Menu

A Nadadeira da Sorte.

Lembra meu Léo!


Quem viu “Procurando Nemo” deve se lembrar dela. 
A mim, marcou.
Interessante que Procurando Nemo nunca foi a minha animação infantil favorita;sou fã de Madagascar,mas essa história e a do Happy Feet marcaram na minha memória.

Bom voltando ao assunto,o pai do peixinho laranja se refere à nadadeira defeituosa do filho (pequena, com desempenho abaixo da que se espera de nadadeiras perfeitas) como a “nadadeira da sorte”.

Achei de extrema delicadeza, mensagem linda e sutil de como lidar com nossas imperfeições e as imperfeições de nossos filhos; sem transmitir ideia de pena, inferioridade, preconceito, nada disso. 
Simplesmente, algo natural.

Todos nós temos a(s) nossa(s) nadadeira(s) da sorte. 

Cada um conhece a sua (ou as suas), embora muitas vezes a gente tente esconder.
Pode ser grande ou pequena, mas sempre existe alguma coisa que a gente preferiria não ter ou que fosse diferente. 
Ao invés de encarar isso como um defeito terrível e inaceitável, podemos carinhosamente acolher nossas nadadeiras atrofiadas e ser feliz, viver desencanado mesmo assim.

Afinal, quem é que é perfeito? 

Um é alto demais, ou baixo demais. Gordo, magro, vesgo, cabelo feio, verruga, dedo torto, orelha de abano, sei lá.
 Alguns andam com cadeiras de rodas, muletas, são cegos, surdos ou mudos. 

E como se não bastasse todas essas "diferenças" que citei ali em cima,não podemos esquecer a pior de todas:
A Deficiência de  Caráter...
Há essa não têm aparelho ortopédico que resolva!
Essa atinge a pessoa e aquelas que estão ao seu redor.
Essa impossibilita muita gente a olhar para o próximo com igualdade.
A cura na minha opinião é uma injeção com uma boa dose de:AMOR.

Ninguêm é igual a ninguêm sejamos gordos,magros,cabelo crespo ou não.

Todos somos especiais!


E se um dia você conhecer alguêm que  não "canta" nada bem,como o meu amiguinho Mano ali em cima...
...Como dita as regras e os benditos padrões da sociedade (Quem assistiu ao Happy Feet sabe do que eu estou falando).
Não deixe de  acolher e pode ter certeza essa pessoa terá muitas outras qualidades!
Quem sabe ela não será como nosso pinguinzinho um exímio "dançarino"?

Claro que queremos a plenitude, mas já que faz parte da natureza humana a imperfeição, temos que aceitá-la em nós e no outro.

*Filmes:Procurando Nemo e Happy Feet 1.Uma boa dica para se assistir com a família!

9 comentários:

Anônimo disse...

Muito bonito isso que vc falou.... falou tudo...
bjos Dina e Enzo.

Renata disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Renata disse...

Obrigada querida,seria muito bom se colocássemos em prática né!!Bjus a vc tambêm!

aprendendoasermae disse...

Realmente temos que fazer dos limoes que a vida nos da uma limonada.E não se lamuriar sempre.
Adorei o post.Um grande beijo!

Mariana Santos disse...

Olá, tudo bem?
Estou aqui para pedir uma forcinha na divulgação do meu blog. Fiz recentemente meu blog e ainda estou postando aos poucos meus trabalhos. Encontrei você no blog “Achei Blog” Será que poderia ajudar-me?
Blog: http://banhodecheiro3.blogspot.com.br/
Obrigada pela atenção!

Michelle'Lima disse...

Olá adorei seu blog e já estou seguindo.
Convido vc para conhecer meu cantinho e
se gostar segue tbm..bjim

michellefany.blogspot.com

Marcia disse...

Querida,
Passando para verificar as regras para nossa parceria BLOGUEIRAS UNIDAS, pedimos postar o nosso banner que está no formulário de inscrição na primeira página do blog
http://listadedivulgacaoblogueirasunidas.blogspot.com
para prosseguirmos nossa parceria , após postar favor nos avisar nos comentários do mesmo blog.
Obrigada!
Abraços!
Siglea & Marcia - Blogueiras Unidas

Erika Dzigan disse...

Estou amando seu blog... principalmente por estar passando por tudo isto ...
Parabéns, suas palavras e gestos são nobres!
Quero ser igual a você!! rsrs

=)

super beijos
Erika

Renata disse...

Olá qieroda imagina...Isso são coisas de mãe!!rsss.bjuss obrigada pela visita e o carinho viu! <3

Postar um comentário

 

Day after Day... Copyright 2012 Designer By Alessandra Garcia